As paixões são como as ventanias que incham as velas do navio

As paixões são como as ventanias que incham as velas do navio. Algumas vezes o afundam, mas sem elas não se pode navegar. (Voltaire)

As paixões são como as ventanias que incham as velas do navio. Algumas vezes o afundam, mas sem elas não se pode navegar. (Voltaire)

RECOMENDADO PRA VOCÊ

Ciúme é querer manter o que se tem. Cobiça é querer o que não se tem. Inveja é querer que o outro não tenha. (Zuenir Ventura)

Ciúme é querer manter o que se tem. Cobiça é querer o que não se tem. Inveja é querer que o outro não tenha. (Zuenir Ventura)

No amor, não há último adeus, senão aquele que não se diz. (Alexandre Dumas)

No amor, não há último adeus, senão aquele que não se diz. (Alexandre Dumas)

A distância mais longa é aquela entre a cabeça e o coração. (Thomas Merton)

A distância mais longa é aquela entre a cabeça e o coração. (Thomas Merton)

A primeira vez que te vi, achei que era especial ... mas o tempo foi passando e aí eu tive certeza.

A primeira vez que te vi, achei que era especial … mas o tempo foi passando e aí eu tive certeza.

Mas onde se deve procurar a liberdade é nos sentimentos. Esses é que são a essência viva da alma. (Johann Goethe)

Mas onde se deve procurar a liberdade é nos sentimentos. Esses é que são a essência viva da alma. (Johann Goethe)

A dor passa, a saudade acalma, a decepção ensina e a vida continua.

A dor passa, a saudade acalma, a decepção ensina e a vida continua.

Rolar para cima